PT EN   

ATUALIDADE


Notícias

Semana Temática - Deteção de Incêndio na Área Residencial
2016-02-29
A deteção de incêndios na área residencial, isto é, na sua casa, é um dos principais métodos de proteção que poderá implementar para salvaguardar os seus bens e garantir a segurança daqueles que lhe são mais próximos.

Ao longo desta semana, a APSEI preparou um conjunto de informações relacionadas com a deteção residencial e os incêndios urbanos para que possa estar mais informado e preparado.

Com esta iniciativa pretendemos que conheça os riscos de incêndio a que a sua casa está sujeita, a importância da deteção precoce de um incêndio e que saiba como atuar de forma preventiva para garantir a segurança da sua família. 

Afinal a melhor proteção é a prevenção.

Poderá ler artigos e aceder a dados estatísticos, consultar folhetos informativos e assistir a diversos vídeos sobre o tema, quer no nosso site, quer na nossa página de facebook
 


O PERIGO DO INCÊNDIOS URBANOS


O desenvolvimento tecnológico e económico tem contribuído de forma decisiva para a crescente urbanização que se tem registado nas últimas décadas. Este fator tem conduzido a um aumento dos riscos aos quais a população está exposta. Embora os riscos de causa natural ou humana tenham estado sempre presentes, têm vindo a ocorrer com maior frequência e com consequências cada vez mais graves para a população e para o ambiente.

Entre estes riscos estão os incêndios urbanos, que têm na maioria dos casos consequências verdadeiramente preocupantes.

Nas zonas com parques habitacionais mais antigos, onde ainda se verifica a utilização de materiais de construção combustíveis, a ocorrência de um incêndio não só é mais provável como tem consequências ainda mais devastadoras. A esta situação, acresce o facto das populações não se encontrarem devidamente sensibilizadas e preparadas para atuar numa situação de incêndio.

Embora com menor visibilidade mediática quando comparados com os incêndios florestais, os incêndios urbanos são a causa de muitos danos materiais e mais importante que tudo, da perda de vidas humanas. A sua ocorrência pode ter diversas causas, mas é sobretudo a falta de cultura de segurança dos cidadãos e a inexistência de sistemas de deteção de incêndio nas habitações que impedem uma prevenção mais eficaz destas ocorrências.

É importante por isso alertar para a necessidade de se conseguir detetar precocemente um foco de incêndio numa habitação. 
 


A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS DE DETEÇÃO DE INCÊNDIO


Apesar de em Portugal a instalação de Sistemas Automáticos de Deteção de Incêndio em fogos de habitação não ser obrigatória, pode optar-se pela instalação de um sistema mais simples, composto por detetores de fumo autónomos.

Os detetores de fumo são equipamentos capazes de detetar fumos, vapores e poeiras produzidas pelo fogo, sendo adequados para situações em que possa haver risco de perdas humanas, pela sua capacidade de detetar um incêndio na sua fase inicial pela análise do ar. Normalmente estes detetores são instalados nos tetos, de modo a garantir que estes equipamentos conseguem captar os produtos da combustão do foco do incêndio.

Quando devidamente instalados e mantidos estarão permanentemente prontos para detetar um foco de incêndio e, assim, ajudar a proteger a sua casa.
 


 
« voltar